CINEMA MUNDO ECONOMIA CULTURA ESPORTES EDUCAÇÃO CONCURSOS CIÊNCIAS & SAÚDE
TERÇA-FEIRA, 16 DE JANEIRO DE 2018
ULTIMA NOTÍCIA:
Seul propõe a Pyongyang nova reunião para conversar sobre Jogos de Inverno
BUSCAR
   
  Notícias
Acontecendo
Africa
América do Sul
Automóveis & Motocicletas
Beleza
Brasil
Brasilia
Ciência & Saúde
Cinema & Teatro
Concursos & Emprego
Conteúdo
Cultura
Diversidade
Ecologia
Economia
Editorial
Educação
Entretenimento
Esportes
Gastronomia
Gente
Goiânia e Centro-Oeste
Impecheament
Jurídico
Meio Ambiente
Moda
Mulher
Mundo
Música e Ritmos
Noite Rio
Planeta Criança
Policia
Politica
Poluição
Porto Alegre
Religião
Rio de Janeiro
RioPress
São Paulo
Saúde
Tecnologia
Tocantins
Turismo
União
Página Inicial / Notícias / Concursos & Emprego
  Concursos & Emprego
 
Se você quer bombar seu perfil no LinkedIn, precisa ler essas cinco dicas
Data Publicação:28/12/2017
Organizar um bom currículo ainda é fundamental para quem deseja encontrar um emprego. No entanto, com o crescimento das plataformas digitais, também é indispensável possuir um perfil chamativo no LinkedIn, a rede social voltada para a área profissional. Segundo Marcelo Binder, especialista em mídias digitais da Química Comunicação, a questão principal na hora de montar um bom perfil é completar todas as informações. Muitas pessoas acabam deixando lacunas que podem fazer falta para os recrutadores que estão presentes na rede. Confira outras dicas para bombar seu perfil no LinkedIn: 1) Atualização De nada adianta deixar seu perfil completo se ele estiver desatualizado. Para Binder, é indispensável manter o cargo atual, os anteriores, o setor de atuação que o profissional deseja no momento e a localização, para que os recrutadores possam filtrar perfis de suas regiões. 2) Imagem O especialista diz que a foto é muito importante na hora de organizar um perfil na rede social. Não vale, no entanto, colocar qualquer imagem: é importante estar de acordo com a área em que deseja atuar. “Se é um executivo, tem que ser uma foto com roupa social”, exemplifica Binder. 3) Competências e otimização Para que o profissional tenha um “perfil campeão”, a própria rede social sugere que sejam listadas ao menos cinco competências. Binder explica que o candidato pode colocar nesse campo os programas que utiliza e trabalhos que sabe desenvolver, por exemplo. Além disso, o especialista também sugere que o profissional busque a otimização para buscadores nesse espaço. Portanto, ele recomenda que os usuários usem palavras-chave que possam ser buscadas pelos recrutadores no momento das pesquisas. 4) Networking Ainda segundo Binder, o principal quesito para ganhar destaque na rede social é fazer networking. “É preciso procurar pessoas da área que tem interesse e ser relevante, ser uma pessoa que interage bastante”, diz o especialista. Para conseguir essa relevância, ele recomenda compatilhar notícias e atualidades, além de participar de grupos de sua área de atuação, publicando matérias ou argumentando sobre determinado tema. Ainda no campo do networking, Binder diz que pode ser uma boa pedir recomendações para ex-chefes e ex-colegas de trabalho. Segundo ele, isso pode contar bastante e chamar a atenção do recrutador que visitar o perfil. 5) O que não fazer Claro que, além das coisas que devemos fazer, é essencial ter em mente aquilo que não é recomendado colocar no perfil do LinkedIn. O especialista diz que, obviamente, o candidato não deve mentir. Assim como em um currículo , de nada adianta colocar competências que não possui, pois um dia elas podem ser colocadas à prova e causar prejuízos. Cometer erros de português também é um ponto negativo que vai afastar o recrutador.


Fonte:Portal New trade



Nome:
E-Mail:
+ Notícia(s)
- Se você quer bombar seu perfil no LinkedIn, precisa ler essas cinco dicas
- Com 10 vagas disponíveis, IFG - GO anuncia Processo Seletivo
- SEGPLAN - GO anuncia Processo Seletivo com 60 oportunidades
- SEGPLAN - GO anuncia as inscrições do Concurso Público destinado ao Procon
- DEMAE - GO anuncia a quarta retificação do Concurso Público com salários de até R$ 6,2 mil
- Eletrobras lança Programa de Demissão Voluntária
- JBS, Natura e mais 35 empresas recrutam para estágio e trainee
- 14 milhões de brasileiros estão desempregados
- Ambev deverá pagar 200 mil reais por submeter empregados a longas jornadas de trabalho
- LOJAS AMERICANAS ABRE VAGAS NA ÁREA LOGÍSTICA
Paginação:
     
MAIS PROCURADOS
Empresa
Reclamações
Regras de publicação


 
PRODUTOS
Publicidade
Artigos Acadêmicos
 
INTERAÇÃO
Contato / Reclamações / Sugestões
 
 
Folha do Brasil - Todos os Direitos Reservados de 2004 a 2014.